Tristeza

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011.
Tristeza, arma suja que quebra meu coração em pedaços.

marcou a alma deixa-me quebrada, atravessando um mar de tristeza e agonia, onde minha unica companhia é a dor que me dói a alma.

mar de lágrimas e perdas, que navega o ódio, desespero e tristeza.

um mar que te leva por um labirinto sem saída.

mar de lágrimas e agonia em que a barragem é você, onde o meu coração está quebrado em pedaços.

um mar negro através do qual todos nós temos ido, um mar onde navegou o predador que é o ódio e os alimentos são corações .

e o buraco negro sem fim de que não há saída, é o sofrimento e a dor é minha unica companheira.
lady dark

14 Comentários:

Dani Maggot disse...

perfeiiiito *-* preciso de maiiiiis Lady

Dani Maggot disse...

to passando por momentos que só seus poemas me consolam

lady dark disse...

e bom saber disso rs vo postar mais querida bjs ♥

Anônimo disse...

amei seus poema paresseque eles me entendem

Sr. Purity Not disse...

Muito bom!

Anônimo disse...

amei nunca li poemas que me fizesse tão bem
amo poemas de dor e sofrimento são um consolo para o que sinto

Anônimo disse...

amei perfeito
os poemas goticos são meu alimento a cada dia que se passsa nessecito deles para suportar a dor que é viver!

Anônimo disse...

Muito bom adoro seus poemas!!

Anônimo disse...

#perfeito#

Anônimo disse...

perfeição de poema!

Dean Frediksson disse...

Fachadas da Realidade

Empenhando palavras complicadas para confundir as mentes de um ilustres pensadores,
Empenhando a espada da tragédia e querendo roubar a fé dos dignos...
Sabemos,que pensamentos doentios ocorrem nas mentes doutrinadas
Mas de meu sangue não se embebedarás mais,
De meu vínculo de atitudes não controlarás mais.

Feitos de vingança
Alguns agem como se tivessem licença para matar,
Ascensões religiosas que vem a nos fazer escravos
Subjugando aqueles que acreditam estar lúcidas no infortuno vazio
Nós fazemos a diferença...

Observe e escute os lamentos dos caídos,
Não adianta prevalecer um distinto segredo
Que principalmente nos gera medo
Em algumas vezes,
Neste memorial dou minha última cartada pelas almas
Que gritam pela desordem da desgraça no abismo
Mas quem serás o corajoso a desmascará as fachadas da realidade?

Lord Dark Angel
(Dean Frediksson)

Anônimo disse...

muito bom gostei!!

Anônimo disse...

adogay todos ees mona

Amado da sua alma disse...

Obrigado é exatamente o que estou sentindo e passando, :(
:)

Postar um comentário

 
† Poemas Góticos † © Copyright 2010 | Template By Mundo Blogger |