2

†Feliz Ano Novo†

sábado, 31 de dezembro de 2011.
Nós do Poemas Góticos queremos imensamente agradecer a companhia e o prestígio de todos vocês no decorrer do ano, e por nos honrar com as vossas visitas e comentários.  
Desejamos todos esses dias o mesmo sentimento de afeto, positivismo, vitórias e conquista que todos almejam.  
Hoje torna-se apenas mais forte e evidente essa sinergia que trocamos durante todo o ano. 
Que o ano de 2012 dê o que cada coração pulsar, que desperte cada sonho idealizado para que este seja realizado. 
Que nos momentos difíceis possamos ter equilíbrio, discernimento e sabedoria, e que possamos ter um ombro amigo, ouvinte, para que seja nosso porto seguro nas horas conturbadas, lembrando que tudo que passamos na vida é um aprendizado sejam elas boas ou ruins. 
A vida sempre nos prepara para cada etapa...  
Que possamos degustar e compartilhar as horas mais doces e nos orgulharmos do que representamos para os que nos rodeiam.

Façam seus pedidos a esse ano novo, que estamos antecipamos os nossos.

Pedido: [Desejamos estar juntinhos com vocês, a cada dia do ano, a cada postagem]

                Beijos Amigos... ♥♥ Feliz 2012
                            Lady Dark / Fael

Em especial para Nix do Blog ALBA LUPUS...
          http://albalupus.blogspot.com/
Leia Mais...
5

Ressureição

domingo, 18 de dezembro de 2011.


Às vezes tudo o que precisamos e ser como uma Fênix, e é isso que desejo a você Lady. Ofereço-te esta postagem de hoje, faça dela um ponto de renovação em sua vida, sepulte esses maus momentos de 2011, mas que você comece a renascer a partir de hoje, para ser tão brilhante quanto 2012... nós podemos até perder algumas batalhas, mas jamais poderemos perder as guerras que a vida nos proporciona. 
Sorte a você menina... ♥ Aos amigos e leitores, o beijo carinhoso de sempre... Fael

                         † Ressureição †

Ressurgirei das cinzas num leve sopro do vento, de alma lavada, intacta... de onde estou a muito tempo.

Nos porões da minha saudade, mantenho-me em cativeiro, juntando os meus pedaços que um dia foi inteiro.

Ressurgirei com a força de um guerreiro... Deixando a minha fraqueza no passado e todo o meu medo.

Abrirei meu peito num suspiro profundo, renascendo para a vida, deixando penetrar em minha alma toda a luz que há no mundo.

Ressurgirei deste casulo como as borboletas nascem depois de muito tempo no escuro, no esplendor de suas cores batem asas pro futuro.

Renascerei...
Ressurgirei de toda a dor contida... em meio aos jardins serei uma flor ainda não colhida, orvalhada pelo sereno da madrugada que se finda.

Em meio às contelações serei uma estrela expressiva que ofuscará repentinamente lampejos em tua retina.

                         [Leni Martins]

Leia Mais...
0

Empr'estimo(ss) em sal (vação)

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011.


 




Leia Mais...
2

Fada da Escuridão

domingo, 4 de dezembro de 2011.
Enfim chegamos ao mês de Dezembro, e já podemos fazer um balanço e o retrospecto do que foi 2011 [espero que bem a todos os leitores] vitórias, derrotas, acertos e erros, mas tão importantes quanto tudo isso, é o jogo da vida...
Enquanto houver vida, existirá sempre uma nova chance, um facho de esperança, uma nova saída...
Hoje irei indicar o Blog da Sacerdotisa Gótica [Meu vinho humano] ao termino, terei plena certeza que todos irão brindar e saborear esta...
http://sacerdotisa-gotica.blogspot.com/
Deixarei um poema que muito me apraz, mas curiosamente não sei quem é o autor, mas peço que se alguém souber, gentileza informar pois de imediato creditarei ao mesmo...
Agradeço sempre a luminosidade dos olhares que por aqui passam, valorizando cada vez mais o prazer da leitura, além da Lady que sempre me deixa a vontade para compartilhar estas que vos oferto... Abraços... Até o próximo encontro, e uma ótima semana a todos. Fael

                      Fada da Escuridão

            Doce senhora da lamentação
            Majestosa fada da escuridão
            Ouve o meu chorar de sangue
            A tí confesso a minha agonia
            Obscura criatura...
            Que me amas na noite...
            E me matas com a luz do dia...

                   Autor [      ?     ]
Leia Mais...
 
† Poemas Góticos † © Copyright 2010 | Template By Mundo Blogger |